identificacao1analise2criminalistica1medicolegal1
Governador destaca trabalho das forças de segurança com redução nos índices de violência no estado PDF Imprimir

O balanço apresentado pelo secretário de Estado de Segurança Pública (SSP), Alceu de Oliveira Pinto Júnior,  ao governador Eduardo pinho Moreira, apontou os principais
resultados do combate à violência e à criminalidade desde o início do ano até agora. Crimes violentos como homicídios e latrocínios (roubo seguido de morte) tiveram, respectivamente, queda de 13,9% e 28,6% na comparação com o mesmo período de 2017.

No relatório também constam reduções em roubos (-30,9%), roubos de cargas (-42,0%), furtos em veículos (-25,2%), em instituições financeiras (-47,3%). De acordo com a SSP, nos primeiros três meses de 2018, houve aumento do número de apreensões de drogas (+21,1% maconha, cocaína e crack) e de armas pesadas como carabina, rifle, metralhadora e fuzil (+51,3%).

Para o governador Eduardo Pinho Moreira, a atuação das forças de segurança do estado tem sido exemplar, levando tranquilidade ao povo de Santa Catarina. “E a sociedade já percebe, não apenas a diminuição da violência, como sente, realmente, estar vivendo um momento de mais segurança em Santa Catarina”, avalia Moreira. Diante dos resultados, o governador fez um pedido: “que o trabalho continue sendo realizado com qualidade e competência em todo o estado”.

O secretário Alceu de Oliveira Pinto Júnior destaca que a redução significativa destes índices é resultado da atuação profissional de uma equipe de trabalho qualificada com foco dimensionado nos cenários que se apresentaram à SSP, principalmente com relação ao crime organizado. “A atuação com a prisão de lideranças criminosas, as apreensões de drogas e de armas foram determinantes para a redução dos índices e aumento  da produtividade policial”, frisa o secretário.

Acompanharam a reunião no Complexo da SSP em Florianópolis, o diretor-geral do IGP, Giovani Eduardo Adriano, o diretor-adjunto do IGP, Júlio Freiberg, o comandante-geral da PMSC, coronel Araújo Gomes; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, João Valério Borges; e o delegado-geral da Polícia Civil, Marcos Flavio Ghizoni Júnior.

unnamed

Compartilhe esta Notícia: