identificacao1analise2criminalistica1medicolegal1
IGP identifica reeducandos em São Pedro de Alcântara PDF Imprimir

Nos últimos dias 23 e 24 de janeiro, o Instituto de Identificação Civil e Criminal, órgão do Instituto Geral de Perícias, em uma parceria com o Departamento de Administração Prisional (DEAP), promoveu a identificação civil de cerca de 100 (cem) reeducandos do Complexo Penitenciário de São Pedro de Alcântara, na Região da Grande Florianópolis.

A equipe do Instituto de Identificação foi composta por servidores e colaboradores do IGP que estiveram presentes no local para a coleta dos dados e das digitais.

"As Carteiras de Identidade serão confeccionadas e enviadas para o Complexo, e, com elas, a satisfação de que o Instituto de Identificação Civil e Criminal cumpre, também, com o essencial papel social junto à sociedade catarinense. Esse serviço é de relevância social e de suma importância para contribuir com o restabelecimento da cidadania dos reeducandos", afirmou o Gerente do Instituto de Identificação Marcelo Sabino.

O gerente agradeceu aos servidores. "Agradecimentos aos funcionários do Instituto de Identificação Bruna Zanetti, Bruno Medeiros, Flávio Rodrigues, Glaciela Eger, Nádia Ferreira e Charle Sala pelo empenho. Além das Assistentes Sociais Angelita Pereira e Maria Eduarda, do Complexo Penitenciário, pelo excelente trabalho e apoio".

Fotos: Divulgação

DSC06985

DSC06981

Compartilhe esta Notícia: